Outro bug do IE

November 19th, 2002 § Comments Off on Outro bug do IE § permalink

Outro bug sério do IE foi descoberto. Esse novo furo permite que qualquer comando seja executado na máquina-alvo, inclusive a reformatação do disco rígido. A parte cômica dessa história é que todo mundo sempre brincava que isso ia acontecer algum dia, embora poucos acreditassem.

Pois é. Que os usuários do IE fiquem com seus 31 bugs sérios não fixados. Eu ficou com o Mozilla.

(via Cris Dias)

Ficção Científica

November 18th, 2002 § 2 comments § permalink

Dois sites recomendados:

  • O site oficial do Clube de Leitores de Ficção Científica, que tem contos dos sócios e membros renomados da FC nacional.
  • O site do Intempol, que é uma franquia nacional de FC em torno de uma polícia temporal à brasileira. Inclui não só contos e livros publicados, mas também um módulo GURPS, um videogame e outros ítems interessantes.

Debates Microsoft vs. Outra Coisa

November 18th, 2002 § 3 comments § permalink

Nota para mim mesmo: Não me envolver mais em debates Microsoft vs. Outra Coisa, mesmo entre amigos. A maioria desses debates degenera para erros lógicos incluindo argumentos ad hominem ou non sequitur, às vezes sem que os participantes percebam. Como eu me irrito facilmente com essas coisas é melhor ficar de fora.

Biblioteca Virtual

November 18th, 2002 § Comments Off on Biblioteca Virtual § permalink

SuperVirtual: Uma imensa biblioteca virtual com milhares de textos em português e inglês totalmente grátis. As interfaces de pesquisa são um pouco complicadas, mas vale a pena dar uma olhada.

Animação engraçada

November 18th, 2002 § 1 comment § permalink

Uma animação bem engraçada: Kimble, Special Agent.

15 minutos

November 17th, 2002 § Comments Off on 15 minutos § permalink

Assisti ontem ao filme 15 minutos. Embora seja de 2001, eu ainda não tinha me animado a assistí-lo até por não conhecer muito a estória.

O filme é basicamente sobre dois estrangeiros que chegam aos Estados Unidos e cometem um crime violento. Um policial e um investigador do Corpo de Bombeiros (os criminosos tentam esconder o primeiro crime com um incêndio) se unem para investigar o crime. Até aí, parece o filme comum, americano. Mas o filme logo mostra a sua cara real e se transforma em uma análise cheia de ironia e um certo humor negro do poder da mídia quando os criminosos usam furos na legislação para se safar das conseqüências de seus atos.

O filme é obviamente exagerado, mas com a intenção de divertir e provocar. As situações trágicas são temperadas por um fundo cômico que mantem o interesse do espectador até além do último minuto (durantes os créditos o diretor ainda solta mais uma provocação).

Se você ainda não viu o filme, coloque em sua lista. Muito bom.

O Senhor das Moscas

November 17th, 2002 § 13 comments § permalink

Essa semana eu li O Senhor das Moscas, o livro que deu a William Golding o Prêmio Nobel de 1983.

A história, muito conhecida, é sobre um grupo de garotos que, após um acidente aéreo, se vêem sozinhos em um ilha deserta no Pacífico, sem a presença de um adulto. Embora a premissa pareça simples, o livro faz uma análise profunda do caráter humano e da relação entre o homem e sociedade. O final, embora aparentemente anti-climático, também fecha com perfeição a proposta do livro, sendo totalmente coerente com a narrativa.

Golding também se mostra um mestre na arte da escrita. As descrições da ilha e das relações entre os garotos, além do fluxo geral da história, tornam a leitura muito agradável e envolvente e um bom uso de símbolos na narrativa fornece um estímulo mental ao leitor.

Em resumo, leitura recomendada.

Tudo doendo

November 15th, 2002 § Comments Off on Tudo doendo § permalink

Estou todo doído da prática de guitarra hoje. Quase que duas horas direto tentanto estourar as caixas :-) Eu estava há um tempo sem praticar regularmente e estou sentido os efeitos do retorno: dedos, ombro e mão direita ficaram doloridos. O engraçado é que eu não esperava que os dedos doessem. Como eu já havia passado pelo processo de calejamento, achei que ia ser normal. Ledo engano.

De qualquer forma, foi excelente. O som da DC-3 é realmente incrível! É sempre um prazer tocar um boa guitarra. E melhor ainda é poder notar que estou progredindo.

Mozilla com filtro anti-spam

November 14th, 2002 § Comments Off on Mozilla com filtro anti-spam § permalink

Excelentes notícias do projeto Mozilla. A próxima versão do Mozilla Mail terá um filtro anti-spam baseado em uma implementação Bayesiana descrita recentemente por Paul Graham. O filtro precisa ser treinado, mas isso é rápido e ele reconhece spam cada vez melhor à medida que o tempo passa.

Embora eu já esteja usando o Mozilla para navegação, ainda não tinha adotado o Mozilla Mail por que eu tenho um arquivo enorme e queria testar a importação melhor antes de dar o grande pulo. Com a adição desse filtro vai ser difícil é esperar a próxima versão ficar pronta. Minhas mãos já começaram a coçar para experimentar a versão alpha.

Dia de programador

November 12th, 2002 § Comments Off on Dia de programador § permalink

Um dia muito divertido no trabalho. Depois de um longo tempo desenvolvendo aplicações web, usando ASP, tive que criar um ActiveX por causa de uma necessidade em alguns projetos que a empresa está desenvolvendo. Para isso voltei a usar o Delphi após um longo tempo sem utilizá-lo profissionalmente. Foi bom retornar a uma das minhas linguagens preferidas.

O problema em questão é bastante interessante. Parte do projeto envolve a utilização de um outro ActiveX dentro do que estou desenvolvendo. Embora eu esteja usando o Delphi 5, que possui um bom suporte à tecnologia em questão, alguns problemas ficaram evidentes de cara.

A primeira coisa que tive que resolver foi o roteamente das teclas aceleradoras para o ActiveX. O IE intercepta as mensagens de teclado, e se o ActiveX precisa de responder a alguns delas é necessário implementar uma interface adicional que traduza essas mensagens. O problema é bem documentado, mas eu ainda não o tinha enfrentado, já que desenvolvi poucos componentes ActiveX na minha carreira de programador.

O problema seguinte foi uma certa dependência do Delphi no loop de mensagens da aplicação. Como o ActiveX está contido em outra aplicação, tendo um loop de mensagens próprio e isolado, eu tive que recorrer a alguns atalhos para realizar algumas tarefas. Isso implicou em não usar alguns componentes próprios do Delphi que falhavam dentro do ActiveX.

Depois, foi a vez de ler parâmetros da página. Nessa área o Delphi não possui suporte pronto nenhum. Após uma certa pesquisa, descobri que era mais fácil do que parecia. Bastava implementar outra interface e usá-la para ler os parâmetros.

Um último problema, até agora sem solução, são os componentes que implementam as caixas de diálogo do Windows (como a de escolha de cores). Novamente a implementação do Delphi assume que elas estarão sendo usadas em uma aplicação e o resultado é que o Internet Explorer perde momentaneamente o foco após a invocação de uma caixa de diálogo. Pelas pesquisas que fiz, o problema só pode ser corrigido modificando-se o código de algumas bibliotecas do próprio Delphi com alguns efeitos colaterais. Ainda não decidi o que fazer.

No geral, um dia bem produtivo e agradável. Na verdade, é a existência desses problemas e a necessidade de resolvê-los é que torna a programação tão interessante. Sem essas dificuldades, as tarefas seria rotineiras e tediosas. Eu gosto da programação justamente pelos desafios que enfrento a cada dia.

Where am I?

You are currently viewing the archives for November, 2002 at Superfície Reflexiva.