Windows custa US$ 12 por ano?

December 2nd, 2003 § 5 comments § permalink

Via Scoble, evangelista da Microsoft, chega uma declaração incrível do Steve Ballmer, o segundo em comando na empresa: o Windows custa apenas US$ 12 por ano (cerca de R$ 34 pela cotação de hoje), considerando o ciclo de vida útil médio de um computador. Como o James Robertson já comentou, a declaração em si é absurda demais até para rir. O pior é que dá vontade é de chorar.

Mesmo considerando que você obtém um desconto quando compra o Windows com a máquina, algo que, pelo menos aqui no Brasil não é realmente a verdade, ainda assim essa afirmação passa longe da verdade. E isso é simples de demonstrar.

Há menos que duas semanas atrás eu estava em uma loja de informática em um shopping perto de onde trabalho. Por curiosidade, fui olhar os preços do Windows XP Professional e do Office 2003. O primeiro custava a bagatela de R$ 1900 (US$ 664) e o segundo custa R$ 2500 (US$ 874). Combinados, totalizariam R$ 4400 (US$ 1538).

Tudo bem, os preços acima estão um pouco acima do normal. Mas é mais ou menos isso que você vai achar na maioria das lojas, considerando um preço médio. Mesmo considerando os 4 anos de uso que o Ballmer fala, ainda assim fica bem longe de US$ 12 por ano.

Agora, vamos olhar a realidade brasileira. O salário mínimo é R$ 240 (US$ 84). Isso quer dizer que só o Windows custa quase 8 vezes o salário mínimo. Alguém aí disse artigo de luxo? Sabendo que também se pode comprar um computador excelente por R$ 2500 (US$ 874), dá para ver como o Windows é absurdamente caro para a realidade brasileira.

Na verdade, se você for olhar por ainda outro lado, o preço dos Windows e Office combinados é o preço de um carro usado muito razoável. E é um terço do preço de um carro popular. Pior ainda, é um décimo do preço de uma casa razoável aqui em Belo Horizonte.

E eu não vou nem entrar em detalhes em quanto os problemas do Windows (vírus, cavalos de tróia, etc) custam a curto e longo prazo.

Eu não sei o que o Ballmer estava fumando na hora da sua declaração, mas era forte. A coisa mais espantosa sobre o Windows é que você leva apenas o sistema operacional e um pacotezinho de aplicações de escritório por esse preço — mais nada. Por outro lado, uma distribuição Linux média vem com pelo menos 2000 pacotes, incluindo um excelente conjunto de aplicações para escritório, jogos, utilitários, ferramentas de conexão e compartilhamento, servidores Web, servidores de banco de dados, dezenas de linguagens de programação e muito mais por um preço mínimo — em muitos casos, é simplesmente o preço da mídia.

Dá para comparar?

Where am I?

You are currently viewing the archives for December, 2003 at Superfície Reflexiva.