007 — Casino Royale

January 3rd, 2007 § 1 comment

Fui assistir ontem e me diverti absolutamente. Fazia tempo que um filme bondiano não tinha uma combinação tão boa entre os detalhes no universo criado por Ian Fleming (incluindo o indefectível humor sarcástico do agente) e o aspecto pipoca que eu considero absolutamente necessário para um bom filme de ação. Eu até me espantei ao saber que o roteirista tinha sido o mesmo dos três filmes anteriores. A diferença é absurda. E se a estória era um pouco previsível, isso é um requisito natural desse tipo de filme que não compromete de forma alguma o resultado.

Os fãs dos Bond anteriores me desculpem, mas Daniel Craig é o melhor ator que encarnou o papel até o momento. A versão de Pierce Brosnan podia ser mais aristocrática e enraizada no britanismo do personagem, mas para um homem que não dá a mínima para sua “história familiar”, a interpretação de Craig é bem mais interessante. E o Sean Connery, excelente ator shakespeariano que é, nunca me pareceu um bom James Bond. Como disse minha mulher depois do filme: “E que Bond!” :-)

Depois de ver os filmes, deu até vontade de ler e reler os livros do Fleming. Faz tempo que eu não me aventuro no universo bondiano e ler alguns dos livros serve de espera para o próximo.

§ One Response to 007 — Casino Royale

  • katy says:

    dos filmes do 007 este é melhor d todos, o filme é um espetáculo não há melhor. não percam!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

What's this?

You are currently reading 007 — Casino Royale at Superfície Reflexiva.

meta