Balanço cultural de janeiro

February 1st, 2007 § 21 comments

Janeiro não ajudou muito minha meta em relação ao número de livros que pretendo ler esse ano. O resultado do mês foi o seguinte:

  • 4 livros
  • 20 filmes
  • 14 episódios de séries

Na verdade, eu não devia reclamar. Dos quatro livros lidos, dois tinham mais de 1000 páginas, um tinha mais de 500 e só o primeiro tinha menos do que isso. Considerando um livro médio de 350 páginas–o equivalente a 100 mil palavras, um parâmetro da indústria–eu teria lido o equivalente a 9 livros. Tudo bem, me engana que eu gosto. :-)

§ 21 Responses to Balanço cultural de janeiro"

  • TaQ says:

    Eu não sei como que você consegue fazer tudo isso e ainda cuidar do “pacote” (ou seus mentes poluídas, “pacote” é o apelido carinhoso do filhinho do Ronaldo). :-)

  • Ronaldo says:

    Cara, acho que o maior fator é não dormir o quanto eu deveria. :-) Eu literalmente detesto dormir. Geralmente só caio na cama entre uma e duas da manhã para acordar às sete. O “pacote” dorme lá pelas dez, então…

  • TaQ says:

    A minha é meia-noite, eu babando no sofá, ela tentando me acordar, pois quer jogar bola ehehe. 220V. 😀

  • Ronaldo says:

    Minha esposa é diurna. Lá pelas nove, dez, ela está caindo de sono. Se o “pacote” não estiver dormindo nessa hora, ela morre. :-) A gente tem até uma piada: sempre que ela vai por o “pacote” para dormir, ela não volta mais.

    Eu já sou o contrário: entre meia-noite e duas da manhã, eu tenho que me forçar a dormir. Se não, acontece igual ontem: lendo até cinco da manhã.

  • Lorn says:

    Eu estou com um monte de livro pra ler, sou solteiro, então não tenho problemas com pacotes e afins :)
    Mas ultimamente estou morrendo de sono, só hoje que consegui não dormir no metro, e olha que eu tenho que ficar forçando, to lá lendo, aí precisa dar um ping no cerebro pra ele acordar e estranho e que o livro não é ruim, alias é um livro que eu ia passar pra você C. S. Lewis: o Mais Relutante dos Convertidos
    Muito legal.

  • Gobr says:

    Diz os nomes dos livros, filmes e séries que você assistiu.

  • Sergio Lima says:

    Assim você me humilha !

    Eu estou aqui brigando pra terminar de ler o primeiro livro do ano…

    Só dá pra competir com filmes….séries eu não curto!

    Vou começar a contabilizar os filmes que vejo :-)

    []’s

  • Ronaldo says:

    Lorn, ler meio dormindo é horrível. :-) Eu conheço muito bem a sensação. Hoje, deu um pouquinho de sono, eu paro; caso contrário, não lembro de absolutamente nada depois.

    Engraçado você mencionar o C. S. Lewis. Já é a terceira sugestão de um livro dele que recebo esses últimos dias. Tenho que promovê-lo para um posição mais próxima do topo da lista.

    Gobr, os livros foram:

    * Blindsight, do Peter Watts
    * Big Bang, do Simon Singh
    * Pandora’s Star e Judas Unchained, do Peter F. Hamilton

    As séries foram Rome, House e Smallville.

    E os filmes, um monte. :-) Os principais foram: Memórias de uma Gueixa, 007 – Casino Royale, O Operário, Munique, Fahrenheit 451, American Dreamz (esqueci o nome em português, é bom), e Lucky Number Slevin (Xeque-mate). Geralmente um coloco resenhas aqui dos livros e filmes que mais gosto.

    Adam, na verdade, eu não me cobro. Eu realmente sou tarado com leitura e filmes. E é parte do meu processo de escrever e entender o mundo também. Eu coloco essas metas mais como brincadeiras pessoais. Se eu não conseguir, eu não ligo. Esse ano, o que eu realmente quero é ler mais do que assistir, mas isso é colateral. :-)

    Sérgio, o fato é que eu sou viciado em leitura. :-) E uso um monte de truques, como ler paralelamente, etc. Mas realmente estou bem aquém do lia antigamente. Eu gosto da contabilizar para saber o que é candidato a releitura futura.

  • Gobr says:

    Interresante, o Blindsight eu cheguei a pegar, mas ainda não li, em termos de séries, e estou assistindo, House, Smallville…. não vou colocar todas por que acompanho um monte de séries, mas se quiser alguém pra comentar XD e eu quero ver ROMA!

  • Ronaldo says:

    Blindsight é pesadíssimo. Vale a pena mesmo.

    Séries, eu assisto: Battlestar Galactica, House, Grey’s Anatomy, ER, Smallville, Lost, Stargate SG1 e outras de vez enquando. Mas sempre estou um pouco atrasado porque não dá para ver tudo. :-)

  • Gobr says:

    Vamos a listinha, com respectivos eps assistidos.
    LOST S03E06 – (Fodônico)
    SmallVille – S06E12
    Heroes – S01E12
    Dexter – (Fodão) – S01 completa
    The 4400 – S03E07
    Kingdom Hospital – Completa
    Mindfreak – S01 completa
    Numb3rs – S01 completa
    Smith – S01E05

    isso só as séries de TV, tem ainda os animes.

    Livros, estou lendo:
    Piratas – Cap. Charles Jonhson
    Terminei:
    Sayonara Gangsters

    e alguns mangás também.

  • Ronaldo says:

    Lost, estou esperando voltar. Smallville, estou vendo esse episódio agorinha. Heroes, esperando o fim da S01. Dexter, só conheço de nome. The 4400, peguei a caixa da S01 duas vezes e não consegui ver ainda. Kingdom Hospiral, não tenho coragem. :-) Mindfreak, não conheço. Numb3rs, não gostei. Smith, conheço só de propagando. É boa?

    Livros, no momentou estou lendo Cell, do Stephen King; Self-Made Man, da Norah Vincent; Filosofia e Cosmovisão Cristãs, esqueci o nome dos autores.

  • Gobr says:

    Não quis colocar os esperando voltar nem nada, o que está aí foi o que eu já assisti.

    Cara, é bom esperar terminar a S01 mas… perde toda a sensação de ter que esperar a semana que vem. XD Heroes tem uma boa premissa.

    Dexter eu gostei MUITO a história é diferente e MUITO boa mesmo, o cara é um serial-killer, que mata seriais-killers e trabalha pra polícia.

    The 4400 é meio chato, as vezes não dá vontade de terminar, tanto que estou empacado no ep 7 até agora, mas não é de se jogar fora.

    Kingdom Hospital é do Stephen XD peguei justamente por isso, só que tem algo que eu ainda não gosto no estilo dele, não sei o que é.

    Mindfreak não é bem uma série, tá é uma série, mas não conta uma história, é uma mágico americano que faz uns truques bem legais. XD

    Smith eu gostei muito, os caras são ladrões profissionais, é série do tipo você assiste o primeiro episódio e quer ver o resto, pena que não tem legenda pro resto da temporada, já assisti dois episódios no inglês entendendo 70%.

    Numb3rs é legal, só não achei legal eles levarem o foco pra ação. (Eu queria ver por causa da matemática)

    Ah, eu tenho os dois primeiros livros da Torre Negra do Sthepen King.

  • Gobr says:

    Quase esquecendo, acho que você encontrou um bom comentarista.

  • Ronaldo says:

    Depois vou ver se assisto os pilotos de Smith e Dexter para sentir o clima da série. Apesar de que, com o tanto que estou vendo, não devia nem chegar perto. :-)

    Sobre Numb3rs, eu até escrevi uma entrada no blog. Achei um pouco exagerada para o lado nerd, como seu um matemático e não um roteirista houvesse escrito os episódios. E olhe que eu adoro matemática. :-)

    Quando à Torre Negra, estou esperando o sétimo sair. Dependendo da série, agora só leio quando terminar. Mesma coisa para Harry Potter. :-)

    E dos comentários, eu não estou reclamando de jeito nenhum. 😛

  • Gobr says:

    Na verdade no Numb3rs existem “vários” consultores matemáticos por trás do negócio. XD

    A Torre Negra lá fora já saiu há MUITO tempo, aqui que ficam nessa enrolação, mas já tem até o 5 e é MUITA coisa pra ler.

    Harry Potter eu fui pego no BOOM então não posso falar muito mais os livros principalmente os últimos, são legais.

    Um dia eu (re)crio um blog pra mim.

  • Walter Cruz says:

    Esse mês não estou com nada novo pra ler.. Mas estou quase terminando de reler um livro sobre liderança e o livro da gangue dos quatro.

    Você chegou a assistir uma série chamada The Pretender?

  • Ronaldo says:

    Gobr, o lance do Numb3rs é mais o jeito como a matemática é apresentada, como uma coisa opaca cuja linguagem é para poucos. A idéia da série é excelente. Eu só critico a realização mesmo.

    Sobre os livros, eu uso muito o Fictionwise para me manter em uma proximidade com as publicações lá fora. Essa demora é muito chata, mas o público aqui realmente é menor. Se não fosse Stephen King, provavelmente nem saía. Meu lance com série agora é que só leio quando o autor terminar tudo. Cansei. :-)

    Quanto ao blog, comece. Faz bem para a saúde. 😛

    Walter, recomendo o Blindsight para ler. E é de grça. :-)

    Não vi essa série não, mas a premissa é muito legal. Vou procurar. Falando em série, você se lembra de uma série na Globo sobre um homem cuja memória foi apagada? Aquela era legal. Pena que sumiu.

  • Lorn says:

    Provavelmente o homem da memoria apagada é o John Doe :) experimente Kyle XY é do mesmo genero muito bom.

  • Ronaldo says:

    Acho que não é John Doe, não. O cara dessa série tinha um cabelo longo, e a série tinha alguma coisa a ver com um negativo de fotografia que revelava algum mistério, alguma pista sobre o fato do governo ou seja lá que agência estava atrás dele. Era massa. Não sei se teve final.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

What's this?

You are currently reading Balanço cultural de janeiro at Superfície Reflexiva.

meta