Fim de temporada

May 25th, 2007 § 2 comments

Esse mês marcou o fim de temporada de várias séries que acompanho, uma delas, inclusive, definitivamente. Um ponto interessante do final de temporada é que ele mostra o cuidado dos roteiristas e produtores em fechar adequadamente a estória contado, o que dá uma indicação boa de se compensa ou não continuar a assistir a série.

Stargate SG-1 terminou sua décima e última temporada com um episódio que, além de se encaixar perfeitamente na mitologia na série, fechou uma linha da estória há muito aguardada, preparando também o caminho para os dois filmes que virão. Sendo o último episódio, abusou um pouco dos sentimentos dos fãs, mas isso era esperado. Stargate SG-1 é uma série que eu poderia continuar a ver indefinidamente. Não é uma série pretensiosa, como Lost, e isso é uma das suas maiores virtudes.

Falando em Lost, o episódio duplo que marcou o final da temporada foi tão destituído de esclarecimentos como qualquer um dos outros que o precederam nesse terceiro ano da série. A única novidade, revelada nos minutos finais do episódio, mas já intuída ao longo do mesmo, não compensou a repetição exaustiva dos temas. Eu espero que agora, com a certeza de que a série terminará em três anos, que os roteiristas de concentrem em arcos mais fechados, como Battlestar Galactica faz, por exemplo.

Heroes cresceu um pouco como série mas o episódio final está longe de mostrar isso. Eu passei a gostar mais da estória, mas está longe de ser o que X-Men foi. Considerando que os dois universos partem de princípios similares, é impressionante ver como Heroes falha ao considerar algumas questões básicas. O episódio final foi uma colisão de linhas desconjuntadas de estórias que não chegou a empolgar em qualquer minuto. Colocar todos os personagens juntos no mesmo lugar foi um erro absurdo por não permitir utilizar adequadamente nenhum dele. Isso tirou completamente o brilho entre o confronto vilão-herói e adicionou alguns furos horrendos na estória. Para bem ou mal, entretanto, eu comecei a gostar de alguns dos personagens e acho que vou revisitar a série em seu próximo ano, esperando que ela melhor.

Continuando com heróis, Smallville terminou da maneira usual com um episódio que é basicamente a metade de uma estória que só será concluída no primeiro episódio da próxima temporada. Essa sexta temporada da série foi uma decepção comparada com a quarta e a quinta, mas está longe de ser o que foi a primeira ou a segunda, principalmente porque os personagens estão mais desenvolvidos. Se a próxima temporada for a última (apesar dos rumores que uma oitava temporada pode ser possível), eu acho que a série cumpriu bem seu papel de renovar a mitologia daquele que é provavelmente o super-herói mais conhecido e querido. O último episódio introduz alguns fatores novos e arma o palco para uma série de linhas de enredo que podem explicar bastante da estória futura de Clark. No geral, um bom episódio.

Grey’s Anatomy, das séries que eu vejo, foi a que terminou melhor, sem dúvida. Eu confesso que assisto a série mais pela excelente interpretação de Sandra Oh do que por qualquer outro motivo, mas gostei demais desse último episódio. Os roteiristas basicamente queimaram a casa para começar tudo de novo. Todas as apostas estão refeitas. A terceira temporada foi bem forte, excetuando-se, ironicamente, as estórias primárias da personagem título, e eu imagino que a quarta temporada seja tão boa quanto essa.

Agora, descanso de séries pelos próximos seis a nove meses. Exceto pela agonia de saber como Battlestar Galactica vai continuar.

§ 2 Responses to Fim de temporada"

  • Ah cara, sei lá… eu adorei a sexta temporada de smallville… e achei o final super intrigante!!! vamos ver o desenrolar da 7a!!

    abraços

  • Ronaldo says:

    Comparada com a quarta ou quinta, foi muito fraca. Se a Chloe morreu mesmo, vai ser um desplante porque foi fraca demais a questão do poder dela. E o lance da Lana & Lex & Clark foi para lá de patético. Isso era coisa de primeira e segunda temporada. Cruzes.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

What's this?

You are currently reading Fim de temporada at Superfície Reflexiva.

meta