Twittar, ou não twittar

September 10th, 2007 § 3 comments

O Sérgio Lima está em uma campanha pela erradicação do Twitter. Eu, que não morro de amores pela ferramenta e ainda não tenho a menor intenção de usá-la, concordo com a maior parte de seus argumentos. Concordo, especialmente, com o seu texto de ontem, sobre os cinco motivos que tornam o Twitter irrelevante para ele.

Os aspectos da perda de produtividade e da super-dosagem de informação são os que mais me incomodam no Twitter por que a filtragem não é possível. E provavelmente nunca será porque iria contra aquilo que torna a ferramenta interessante para seus usuários. Diferentemente da possibilidade de não utilizar ou bloquear parcialmente o uso de uma ferramenta de instant messaging, o Twitter me coloca no centro de um fluxo de consciência que não tem muita correlação linear e que depende de um investimento constante de atenção para se manter coerente.

Obviamente, como não sou um usuário–embora tenha experimentado por alguns dias–posso estar errado na minha avaliação mas minha experiência com IM me diz que não. Como o Sérgio diz, isso é uma coisa bem pessoal e imagino que outras pessoas sejam capazes da multi-tarefa necessária.

O aspecto de micro-blogging é realmente uma tentativa de aplicar mais importância à ferramenta já que a questão nesse espaço está mais no trabalho do informante do que no veículo da informação considerando o panorama RSS atual.

No mais, leia o texto do Sérgio e os comentários: é uma boa discussão em torno de vários pontos de vista.

§ 3 Responses to Twittar, ou não twittar"

  • Opa Ronaldo!

    Quando eu crescer quero escrever com esta densidade! É Sério!

    Não chego a estar em campanha pela erradicação do twitter, pois como você lembrou, acredito nas diferenças e o quanto isso é saudável! Mas admito que estou fazendo uma contra-evangelização :-)

    E acho legal que o twitter seja uma plataforma aberta… que possibilita que desenvolvedores descubram algo útil pra ferramenta… até onde eu sei, não surgiu nada que me fosse útil!

    Abraços pra ti!

  • O Sergio mandou bem no post, concordo com praticamente tudo.

  • […] um pouco atrasado nessa, mas não poso deixar de falar que assino embaixo do que o Sergio diz (via Superficie Reflexiva): Twitter é hype. Dos grandes. Não há nada que ele faz que a gente não consiga fazer usando um […]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

What's this?

You are currently reading Twittar, ou não twittar at Superfície Reflexiva.

meta