Rio on Rails

December 8th, 2007 § 13 comments

Cheguei são e salvo ao Rio. Fazia tanto tempo que eu não vinha aqui que tinha esquecido que a aproximação do Galeão é sobre o mar. Para quem não gosta de pousos, a sensação é bem desagradável. Tirando isso, o dia está quente e bonito e o evento começou bem.

No momento, o Demetrius Nunes está fazendo uma introdução ao Rails e Ruby e pelos olhares atentos o pessoal está gostando. Mostrar um pouco da mágica do Rails é uma coisa que sempre funciona para atrair o pessoal para o que realmente importa. Nesse quesito, o Rails não tem rivais entre os demais frameworks e isso, obviamente, explica muito da sua popularidade. Com esse começo, acho que o pessoal vai se entender bem com o resto das palestras.

Minha palestra ainda é a segunda da tarde e eu já estou nervoso. :-)

Atualização: A apresentação do Nunes terminou, recheada de vídeos do Matrix–eu não posso reclamar, é claro–e foi muito boa, deixando o pessoal realmente com água na boca. Em vista do meu texto de ontem, há uma certa ironia com o fanatismo demonstrado pela comunidade Ruby. O que é, de certa forma, esperado, dada a enorme distância dos outros frameworks, mas não algo do qual gosto.

Atualização: A segunda palestra é sobre o Brazilian Rails, um plugin desenvolvido pelo pessoal da Improve IT com o propósito de facilitar o desenvolvimento em Rails para comunidades falantes de português. Iniciativa legal e do tipo que estamos precisando mais. Agora, usarcomodinheiro :valor foi dose. :-)

Atualização: A terceira palestra do dia é o case do O Curioso que tivemos no Minas on Rails também. A palestra é realmente interessante e mostra um uso real do Rails em uma aplicação com um base enorme de dados (400 mil usuários onde só a tabela de scraps adquirida tem 160GB). “O Curioso é um site pirata mesmo”, diz o Eduardo. :-)

Atualização: A quarta palestra é com o pessoal do projeto Lucidus, da Improve IT. Eu já tinha visto a apresentação em Belo Horizonte com o Vinícius e agora estou vendo com toda a equipe. Como tinha dito no meu breve relatório sobre o Minas on Rails, a apresentação é uma visão excelente do uso do Rails com XP e de como uma equipe pode otimizar o processo ao máximo e basicamente vencer basicamente qualquer obstáculo tecnológico ou social no desenvolvimento. A apresentação foi mais rápida, com um bocado de tempo para perguntas que funciona muito bem nesse tipo de apresentação.

Atualização: A quinta palestra é com o Fábio Akita, falando sobre a mágica por trás do Rails. Para o pessoal que já está impressionado, acho que a palestra vai deixá-los ainda mais de queixo caído. O Akita disse que eu sou culpado por uma mudança na palestra dele. Eu juro que não foi intencional. :-) Aliás, boa citação das três leis de Clarke das quais sou fã de longa data. Aliás, boa sacada de combinar um screencast gravado com uma apresentação. Facilita enormemente se você quer exibir código em certo detalhe. O único problema é a velocidade que tem que ser graduada.

Atualização Parentética: Eu acho que sou o único Ronaldo da comunidade Rails mais vísivel (pelo menos no Working With Rails eu sou o único de dois Ronaldos com um perfil definido) mas todo mundo me chama de Ronaldo Ferraz. Deve ter alguma razão para isso. :-)

Atualizacão: Akita está mostrando as mudanças para o Rails 2.0 usando o tradicional exemplo do blog com as facilidades da nova versão que deixam o exemplo bem mais simples em termos gerais (existem detalhes, é claro, que para o desenvolvedor experiente são mais fáceis que para o novo e não mapeiam bem mas o exemplo geral é muito bom). O mais legal é ver o povo que já desenvolve balançando a cabeça em aprovação das novidades.

Atualização: A apresentação foi muito boa mas algumas coisas poderiam ser cortadas pela semi-impossibilidade de mostrar tudo 100% (como as partes do Ajax, iPhone e algumas outras). Ainda assim, foi bom para o pessoal ver como o Rails se move bem rapidamente em termos de desenvolvimento.

Atualização: Hora da minha palestra. A gente volta daqui a pouco. :-)

Atualização: Acho que a palestra foi razoavelmente bem, mas como sempre é complicado passar DSLs para uma audiência mista. Quem já tem uma experiência mais pesada gosta de código e quem não tem tanta experiência fica meio chocado com o peso. :-)

Atualização: A próxima palestra é com o Danilo Sato falando sobre BDD e RSpec. Eu geralmente prefiro o BDD ao TDD puro e é bem interessante expor mais o pessoal ao assunto.

Atualização: Sempre que eu uso, leio ou ouço sobre RSpec, eu não me vejo fazendo outra coisa. Pode ser da forma como minha mente funciona, mas BDD é muito mais intuitivo e mais interessante do que TDD puro.

Atualização: Palestra final começando com algum atraso. O Carlos Eduardo vai falar sobre Flex, via TreinaTom, algo que deve interessar bastante gente. Quero ver é se a conexão de rede agüenta. Durante o dia estava estável mas bem lenta e cheia de bloqueios. Se der, o pessoal com certeza vai se impressionar com o que dá para fazer em termos de RIA.

Atualização: Acabei de chegar em BH. Cansado mas contente com o resultado do evento. A organização foi excelente, o pessoal do Rio é extremamente solícito e o pós-evento foi bastante divertido, relaxando perto da praia e jogando papo fora com o pessoal. Quase perco o último ônibus para BH mas acabou dando tudo certo. Agora só preciso de descansar para levar o filhote no parque mais tarde.

Para terminar, um obrigado especial ao Vinícius e ao resto da turma da Improve IT / Lucidus tanto pelo convite quanto pelo tratamento do Rio. Foi bom também conhecer algumas pessoas que antes só eram avatares em programas: Cris Dias, que é mais pragmático do que eu imaginava; Fernando Campos, do curso da e-Genial; Fábio Akita; e vários outros que minha proverbial falta de memória impede de recordar o nome. Aliás, eu realmente preciso de alguma técnica de associação: lembrar o rosto e não lembrar o nome é dose.

No resumo, foi um evento muito bom e acho que ano que vem já estamos encaminhados para algo bem positivo por toda a comunidade Ruby e Rails. Agora peço licença enquanto vou jogar um pouco de Need For Speed. Até a próxima.

§ 13 Responses to Rio on Rails"

  • Rafael Dx7 says:

    No Rio é isso mesmo: no Galeão ou no Santos Dumont o pouso é “em cima d’água”. rsrsrsrs

    Realmente muito bom o evento. Eu tava bem interessado em ouvir a galera que usa rails “a vera”. Parabéns a todos os palestrantes!

  • Pena que não estava no Rio, Ronaldo, seria uma ótima oportunidade para te conhecer pessoalmente com uns bons anos te acompanhando :)

    Sucesso

  • Quando e onde será a palestra de Rails no RJ?
    Se possível me mande essas duas informações por e-mail.

    Obrigado.

    Thiago Taranto

  • Oi Ronaldo (Ferraz),

    Já conhecia a sua voz (e sotaque), de alguns podcasts (ou seriam pães de cast ?).

    Bem legal a sua palestra !

    Gostei bastante, e me deu algumas idéias.

    Legal.

    Um abraço.

  • TaQ says:

    “Já conhecia a sua voz”

    Marcos, a voz continua a mesma, mas os cabelos … 😀

    P.S.: Essa foi para quem tem uma certa idade e lembra de um comercial de shampoo antigo. E para encher o saco do Ronaldo, também. 😉

  • Diogenes says:

    Muita gente lah Ronaldo?

  • Garcia Souza says:

    Olá Ronaldo, gostei muito do pão de cast que você juntamente com TaQ e Luiz ( ou seria Luis ?) Rocha estão gravando.
    Já fuço em linguagens de programação a uns 3 anos mas só agora entrei de cabeça no mundo OpenSource.
    Estou muito feliz por existe pessoas como você s.
    Tenho algumas dúvidas e gostaria muito que voce e qualquer outra pessoa que se motive a responder, responda-as:
    1 – Você tem ensino superior ? Se sim, qual?
    2 – Oque você acha sobre fazer uma pós-graduação logo depois de terminar um curso superior? É melhor ibernar nos estudos em modo auto-didata ou ficar naquela lentidão que é um grupo de estudo ?
    3 – Como faço para chegar pelo menos quase-quase-quase perto de você ?
    Cara, eu fico um mês todinho para ler “O monge e o executivo” e você lê três montrons livros por mês ?
    É isso, desculpe encomodar !
    Quando crescer quero ser igual você.

  • Guilherme says:

    Ronaldo, achei bem legal a sua palestra sobre DSLs no Rio on Rails. Estou bastante interessado em Ruby/Rails e sua palestra clareou minhas idéias sobre o assunto.

    Abraços.

  • Ronaldo, pena não ter podido ficar para a sua apresentação, me falaram que foi muito boa. Sobre sua observação sobre o fanatismo em relação a minha apresentação: só para deixar claro que eu pessoalmente também não gosto de radicalismos mas como o evento era DE Rails e minha apresentação era a de abertura, resolvi, arriscando, adotar um tom evangelista mesmo, pois quis “setar” o clima favorável para o restante do dia. Espero ter atingido esse objetivo sem passar a impressão de algo raso. Grande abraço.

  • AkitaOnRails says:

    “Ronaldo Ferraz” é mais ‘chique’ do que só “Ronaldo”, será que não? :-) É isso aí, o evento foi bem legal mesmo. E foi brincadeira mesmo, eu varei noite porque sou doido mesmo. Foi coincidência também porque resolvi falar de Rails 2.0 de última hora e quando estava no aeroporto indo pro Rio fiquei sabendo que o 2.0 foi lançado oficialmente, então foi providencial.

    As observações sobre o vídeo foram anotadas :-) Eu modifiquei um pouco a ordem para fazer um pouco mais de sentido. Publiquei no meu blog. Mas a velocidade a idéia era essa mesmo: deixar todo mundo meio ‘atropelado’ mas com aquela ponta de vontade de ver mais.

    No Rails for Kids tentarei explicar com mais calma os novos recursos do Rails 2.0. Nos vemos lá.

  • Ronaldo says:

    Opa, Rafael! O Santos Dumont é pior ainda. Meu primeiro vôo na vida foi BH-Santos Dumont. Chegando lá, por causa de vento da pista, o piloto arremeteu. Desnecessário dizer fiquei branco. Sem contar ficar 10 minutos depois rodando o aeroporto esperando outra oportunidade.

    Sobre o evento, foi muito bom mesmo. :-)

    Opa, Philip! Muito obrigado pela parte que me toca, aliás. :-) Teria sido muito bom conhecer você principalmente porque a leitura é mútua.

    Opa, Marcos! Muito obrigado pela presença e por ouvir o Pão de Cast! Foi muito bom conhecer você e o pessoal lá no Rio. Espero que a palestra renda frutos para você. :-)

    TaQ, muito engraçadinho mesmo. Quem tem telhado de vidro–ou eu poderia dizer aeroporto de mosquito–não deve jogar pedra no dos outros. :-)

    Opa, Diógenes. Eu acredito que havia cerca de 50 pessoas presentes. Foi muito legal. :-)

    Opa, Garcia! Obrigado pela parte que me toca. Fico lisonjeado. :-) Sobre as perguntas, aqui estão as respostas:

    1) Não tenho. Ainda não tive tempo mas quero tentar Letras eventualmente e passar alguns anos discutindo literatura com outros que também gostam. :-)

    2) Eu ainda estou para ver o benefício de uma pós, excetuando o fato que é bom para o currículo. Todo mundo que eu conheço que fez só levou um diploma e não ganhou muito em aspectos práticos. Mas você pode acabar trabalhando na ThoughtWorks. Então deve valer a pena nesse sentido. :-)

    3) Hehehehe. Isso é só uma questão de prática. Eu já até publiquei no blog algumas dicas para ler[1] mais. Muitas das dicas são bem simples.

    Opa, Guilherme! Que bom que você gostou e aproveitou a palestra. Qualquer dúvida, estamos aqui.

    Opa, Demetrius! Tudo bom? Pena realmente não termos podido conversar. Sobre a questão de fanatismo, eu chamei a atenção porque isto está começando a pegar na comunidade Ruby e observando a comunidade Python brasileira atualmente não acho que seja um caminho legal. Eu gostei muito da apresentação–especialmente porque já vi Matrix umas vinte vezes–mas eu meio que grilo com coisas do tipo Rails Envy. É divertido–e eu mesmo já fiz isso–mas hoje estou evitando. E não, sua apresentação não foi rasa. Eu vi muita gente babando com os exemplos. :-)

    Opa, Akita. Bem, se é mais chique ou não, eu não sei. :-) Sobre a apresentação, acho que ficou legal. O povo estava balançando a cabeça em concordância o tempo todo e isso é sinal de que estavam gostando do que o Rails 2.0 está trazendo.

    Nos vemos o Rails for Kids com certeza.

  • TaQ says:

    “aeroporto de mosquito”

    Epa! Calma lá que o meu é um “painel solar para dispositivo de escrever código”, como disse aqui:
    http://eustaquiorangel.com/blog/show/464

    😀

  • Celestino Gomes says:

    Olá Ronaldo,

    Primeiro, parabéns pela sua palestra, pois foi muito boa!

    Agora: Qual o preconceito com o usar_como_dinheiro?

    😀

    Foi apenas para implicar com a lingua inglesa que fizemos assim.

    Abraços!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

What's this?

You are currently reading Rio on Rails at Superfície Reflexiva.

meta