Twitter: o teste de meia hora

January 20th, 2008 § 11 comments

Escolha randomicamente entre as pessoas que você segue, e assim por diante com cada pessoa escolhida. Repita por meia hora ou até que você saia do nerddom.

Interessante o resultado, não?

§ 11 Responses to Twitter: o teste de meia hora"

  • Felizmente não posso fazer o teste :-)

  • Luiz Rocha says:

    Olha, eu até tentei… Mas parei depois de 5 minutos. Acho que isso significa alguma coisa, mas eu não sei exatamente o que é.

  • Ronaldo says:

    Sérgio, você pode fazer usando o meu como surrogado. :-) Mas é interessante perceber mais uma vez como essas ferramentas se tornam um “echo chamber”.

    Luiz, cansou tão rápido do “echo chamber”? :-)

  • Luiz Rocha says:

    Mais rápido do que você imagina. :-)

    Um pouco antes de criar a minha conta, eu fiquei com a impressão que apesar do convite para procrastinação e bobageria, algumas coisas úteis estavam saindo do Twitter.

    E, apesar de algumas coisas boas saírem de lá (um anuncio aqui ou um comentário ali), estou cada vez mais convencido de que é só uma outra rota para egoblogging. Eu incluso.

  • Ronaldo says:

    Idem aqui. Eu estou rapidamente me convencendo de que quaisquer benefícios tangíveis que eu tenha encontrado não compensam a necessidade de filtrar o excesso e o lixo. Vamos ver nas próximas duas semanas se eu ainda agüento fazer alguma coisa lá.

  • Luiz Rocha says:

    Bom, eu pretendo dar uma limpada nos meus newsfeeds assim que voltar de viagem e acho que o Twitter vai entrar na lista de inutilidades a ser cortada.

  • Ronaldo says:

    Nos últimos dias, adicione 30 novos feeds. Preciso me controlar novamente.

  • Luiz Rocha says:

    Wow! 😮

    Não tenho adicionado tantos feeds assim, mas minha lista já está fora de controle. Tem muita coisa que eu leio esporadicamente só.

    Estou considerando mover o que é realmente essencial para um planet e deixar o Google Reader cuidar do resto.

  • Ronaldo says:

    Pois é. Está saindo do controle também. Eu dei para olhar os recomendados do Google Reader e adicionei uma penca. Tem um monte de feed que eu deixo mas que sempre pulo quando leio o resto. O problema é a sensação de que vai surgir algo interessante; isso é que tem que acabar. :-)

  • Luiz Rocha says:

    O problema é a sensação de que vai surgir algo interessante; isso é que tem que acabar.

    Putz, é _exatamente_ isso que passa pela minha cabeça. :-) E é o que está me motivando a estabelecer um planeta; diminuir a facilidade com que novos feeds meio-interessantes são adicionados.

  • Ronaldo says:

    É uma boa idéia. Assim que eu tiver um pouquinho mais de tempo, vou experimentar com isso também.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

What's this?

You are currently reading Twitter: o teste de meia hora at Superfície Reflexiva.

meta